Portugal prepara medidas obrigatórias de poupança de energia (com multas para quem não cumprir)

Foto: canva

Portugal está a preparar um plano de poupança de energia que inclui medidas obrigatórias nas casas, comércio, transportes e indústria, de forma a cumprir as metas acordadas, avança o ‘Expresso’.

Segundo a mesma publicação, que cita o presidente da Agência para a Energia (ADENE), em causa está a preparação de um “plano de poupança de energia e eficiência hídrica” elaborado pelo organismo a pedido do Governo.

Nele constam medidas detalhadas, metas, objetivos e respetivo impacto, para que Portugal consiga cumprir a sua parte do acordo de poupança de energia, estabelecido com a Comissão Europeia.

O objetivo, segundo Nelson Lage, é ter o plano pronto a apresentar ao Governo nas próximas “duas ou três semanas”, podendo haver medidas de poupança de energia que terão um caráter provisório e outras que poderão ser “permanentes”.

As medidas, adianta o jornal, vão focar-se em sete áreas: edifícios residenciais; comércio e serviços; indústria; Administração Pública; mobilidade, transportes e frotas; formação e qualificação e informação e sensibilização e serão obrigatórias.

“Não será só uma campanha de sensibilização, haverá medidas focadas nos vários setores, do consumidor individual à indústria”, sublinha o responsável ao ‘Expresso’, adiantando que estão previstas coimas para quem não as cumprir.

Ainda assim, esse regime de sanções, bem como a abrangência das medidas serão decididos posteriormente pelo Governo. Neste momento, a ADENE concentra-se na elaboração do plano solicitado.

 

Partilhar:
Subscreva a nossa Newsletter