Portugal com 133 concelhos acima de risco muito elevado de infeção

Baixas por doença ou isolamento por covid-19 até abril já ultrapassam todo o ano de 2021
teste

Portugal tem já 133 concelhos acima de risco muito elevado de infeção pelo coronavírus SARS-CoV-2, dos quais 21 no nível de risco máximo, indicou hoje a Direção-Geral da Saúde (DGS).

Face à última semana, há agora mais cinco concelhos com mais de 960 casos de infeção por 100 mil habitantes nos últimos 14 dias.

Nessa lista constam os concelhos de Águeda, Alfandega da Fé, Anadia, Barrancos, Carregal do Sal, Condeixa-a-Nova, Covilhã, Faro, Ferreira do Zêzere, Gouveia, Guarda, Lagoa, Loulé, Mira, Ourém, Pinhel, Portimão, São Brás de Alportel, Sousel, Tomar e Vila Nova de Paiva.

Em risco muito elevado encontram-se agora 112 concelhos, com uma incidência entre 480 e 959,9 casos por 100 mil habitantes, mais 43 comparativamente ao último balanço, na sexta-feira.

Além dos 133 municípios acima do risco muito elevado, há atualmente 93 concelhos com uma taxa de incidência cumulativa a 14 dias entre 240 e 479,9 casos por 100 mil habitantes, ou seja, no nível de risco elevado.

Com uma incidência entre 120 e 239,9 casos por 100.000 habitantes há atualmente 52 concelhos.

Os únicos concelhos portugueses com incidência inferior a 20 casos por 100.000 habitantes são agora Freixo de Espada à Cinta e Santa Cruz das Flores, que não contabilizaram quaisquer novos casos nos últimos 14 dias.

Partilhar:
  •  
  •  
  •  
  •  
Subscreva a nossa Newsletter