Efacec entra em 2022 praticamente parada, apesar de novo empréstimo

Foto de Arquivo

A empresa garante que situação vai mudar a partir do final do mês. Prazo para a reprivatização de 71,73% do capital da Efacec derrapou, agravando a sua situação financeira.

A Efacec obteve um novo financiamento de 45 milhões de euros com garantia pública, mas a situação da empresa continua praticamente parada, segundo adiantou esta terça-feira, o jornal Público.

A falta de matérias-primas está a penalizar a operação da empresa e a agravar a sua situação financeira e é um dos motivos que estará a atrasar a negociação com o grupo DST, o único interessado na aquisição da empresa.

O processo de reprivatização da Efacec deveria ter ficado finalizado no final do ano passado, mas a operação ainda não está concluída.
De acordo com o jornal, a administração da Efacec acredita que a produção da empresa vai acelerar entre o final de janeiro e o início de fevereiro.

Partilhar:
  •  
  •  
  •  
  •  
Subscreva a nossa Newsletter