Covid-19: Número de baixas pagas pelo Estado no 1º semestre já supera total de 2021

Um em cada oito infetados com covid-19 mantém algum sintoma a longo prazo
Imagem arquivo

Nos primeiros seis meses deste ano, entre janeiro e junho de 2022, o Estado já pagou mais baixas por doença devido à Covid-19 do que em todo o ano de 2021, de acordo com o ‘Jornal de Notícias’ (JN).

Segundo a mesma publicação, que cita dados da Segurança Social, no total, 275 mil beneficiários receberam este subsídio, ascendendo ao valor de 64,5 milhões de euros.

Só no primeiro semestre deste ano, Portugal tem registo de 3,769 milhões de infeções por Covid-19, o que significa 72% do total desde que a pandemia invadiu o país, em março de 2020.

O ‘JN’ adianta ainda que só em janeiro deste ano, o Estado pagou 187 mil baixas por doença, o que corresponde a 44,5 milhões de euros e a mais de dois terços do total do semestre.

Ainda assim, embora tenham sido processados mais subsídios nos primeiros seis meses de 2022, o valor apurado é inferior ao total de 2021, devido às alterações nas regras e isolamento (passou de 14 para sete dias e depois para cinco dias).

 

Partilhar:
Subscreva a nossa Newsletter