Quatro arguidos por furto de catalisadores em Matosinhos e Gondomar

catalisador_Foto de Arquivo

O Comando Territorial da GNR do Porto, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Vila Nova de Gaia, constituiu arguidos quatro homens, no dia 2, nos concelhos de Matosinhos e de Gondomar.

No processo, a GNR também apreendeu quatro catalisadores.

“No âmbito de uma investigação por crimes de furtos de catalisadores em veículos automóveis na zona do grande Porto, que teve a duração de cerca de três meses, os militares da Guarda efetuaram diversas diligências policiais que culminaram no cumprimento de seis mandados de buscas, três domiciliárias e três em veículos, nos concelhos de Matosinhos e Gondomar, tendo sido possível apreender o seguinte material: Quatro catalisadores; Dois macacos hidráulicos; Uma lâmina de serra elétrica; Uma munição de calibre 12”, informa ainda a GNR em nota de imprensa.

Os suspeitos, com idades compreendidas entre os 21 e os 51 anos, todos com antecedentes criminais por furtos, roubos e tráfico de estupefacientes, foram constituídos arguidos e os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Gondomar.

Partilhar:
  •  
  •  
  •  
  •  
Subscreva a nossa Newsletter