PSD de Matosinhos acusa PS de gerir dinheiros públicos como se fossem do partido

Fotos de Arquivo (DR)

Mais uma vez, em Matosinhos, o Partido Socialista utiliza Meios Municipais, como se fossem do partido, é assim que o PSD aponta o dedo à gestão socialista da Câmara.

“A situação não é nova – por isso não esperávamos que voltasse a acontecer-, mas por si só é reveladora do desespero pré-eleitoral do PS”, começa por afirmar Bruno Pereira, líder da concelhia social-democrata matosinhense, em comunicado emitido hoje.

 

Bruno Pereira explica que, “nos últimos dias, Presidentes de Coletividades e Clubes desportivos de Matosinhos, foram contactados por Administradores da Empresa Municipal Matosinhos Sport, para os “convencer” a participar num comício da candidatura do PS, com a presença do ainda primeiro-ministro”, situação que classifica de “abusiva e de extrema gravidade”.

 

De acordo com Bruno Pereira, que também é vereador do PSD na Câmara liderada por Luísa Salgueiro, do PS, “a maioria das coletividades estão sediadas em espaços públicos, concedidos pela Câmara Municipal de Matosinhos, por via desta empresa municipal, e recebem ainda subsídios que passam pelo crivo da Câmara Municipal de Matosinhos e/ou da Matosinhos Sport.

 

O erário público não é do Partido Socialista, por isso só o desespero perante o expectável resultado das Eleições Legislativas, no próximo Domingo, justifica tais atropelos e utilizações abusivas”.

O líder do PSD local adianta ainda que “mais vergonhoso” será se “a Presidente da Câmara Municipal, que também é Presidente da Associação Nacional de Municípios, não proceder disciplinarmente e/ou não determinar, imediatamente, a demissão da administração da empresa municipal”.

Bruno Pereira termina ameaçando que, “se não forem de imediato demitidas, o PSD ver-se-á obrigado a apresentar queixa junto da Comissão Nacional de Eleições”.

O Primeira Mão pediu que Luísa Salgueiro, presidente da Câmara Municipal de Matosinhos, comentasse estas acusações, mas a autarca preferiu não emitir qualquer comentário.

Partilhar:
  •  
  •  
  •  
  •  
Subscreva a nossa Newsletter