Prisão preventiva para homem de Matosinhos por violência doméstica

Prisão preventiva para homem de Matosinhos por violência doméstica
Imagem DR

O Comando Territorial do Porto, através do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE) do Porto, deteve um homem de 33 anos por violência doméstica, no concelho de Matosinhos.

O suspeito terá agredido, injuriado e ameaçado de morte a vítima, sua ex-namorada de 23 anos, com quem manteve uma relação de namoro, que terminou no fim do ano de 2020.

O suspeito não aceitou o fim da relação e insistiu em manter o contacto pessoal e telefónico, mesmo contra a vontade da vítima. No mês de setembro, houve uma escalada de violência psicológica, injúrias reiteradas e ameaças de morte, perseguição e controlo da vida privada da vítima. O homem vigiava a ex-namorada e seguia-a até à sua residência, ao local de trabalho e a outros locais frequentados pela mesma, chegando a existir agressões físicas na via pública.

Perante a gravidade dos factos, o suspeito, com antecedentes criminais por tráfico de estupefacientes, foi detido e presente a primeiro interrogatório judicial no Tribunal de Instrução Criminal de Matosinhos, Ficou em prisão preventiva no Estabelecimento Prisional do Porto (Custóias).

Partilhar:
  •  
  •  
  •  
  •  
Subscreva a nossa Newsletter