“Passo Positivo” em Matosinhos tem a missão de dar uma mão amiga aos mais vulneráveis

Passo Positivo

O lema da “Passo Positivo” é “fazemos o que faz falta”.

A “Passo Positivo” é uma associação sediada em Matosinhos (na Senhora da Hora). Nasceu em 2010 através da força de vontade de um grupo de amigos voluntários, que formalizaram a entidade como ONGD – Organização Não-Governamental para o Desenvolvimento.

Esta Organização tem por missão, de acordo com a responsável Helena Carvalho, “garantir a segurança e bem-estar de pessoas vulneráveis ou que trabalham em situações de crise, colmatando as falhas de apoio em complementaridade com outras instituições, promovendo o aumento das suas competências e criando impacto em diferentes gerações para o exercício da cidadania global”.

Nesta altura, a Passo Positivo desenvolve quatro projetos principais: Banco de Fraldas, Vizinhos, Humanitus, Prevenir é o Melhor Remédio.

Banco de Fraldas é apresentado como projeto “único em território nacional, que pretende proporcionar a higiene e conforto de bebés e adultos com incontinência”.

Já o “Vizinhos” é um projeto dirigido a todas as pessoas com dificuldade de locomoção e mobilidade que previne os acidentes domésticos, nomeadamente quedas. Foi deste projeto que nasceu o “Casa Sénior” – um site interativo – www.casa-senior.pt -, fruto da menção honrosa BPI Sénior 2018. Este projeto também promove o exercício físico e a mobilidade ativa, já que o site contém vídeos, um fórum e atendimento personalizado.

 

A Organização Passo Positivo também dinamiza o projeto Humanitus, que visa educar profissionais e/ou voluntários para ação humanitária, bem como sensibilizar para a cidadania ativa em meio escolar.

 

O projeto “Prevenir é o Melhor Remédio” foi também alvo de um prémio (pelo BPI Fundação “la Caixa” Seniores 2021), centrando-se no cuidado integrado das pessoas com mais de 65 anos de idade.

Desde 2010, a organização contabiliza impacto em mais de 1917 famílias, num trabalho dinamizado pelos voluntários, que já ultrapassam as 10.600 horas de apoio. Ainda assim, a responsável pela ONGD refere que os recursos económicos e humanos nunca chegam e que todos os apoios são bem-vindos.

Para ajudar pode obter informações através de: 939 310 161 ou info@passo-positivo.pt.

 

Pode conhecer melhor o projeto em passo-positivo.pt.

Partilhar:
  •  
  •  
  •  
  •  
Subscreva a nossa Newsletter