Gouveia e Melo é a personalidade do ano para a imprensa estrangeira

Gouveia e Melo é a personalidade do ano para a imprensa estrangeira
Gouveia e Melo Foto: Lusa

Segundo a presidente da Associação da Imprensa Estrangeira em Portugal, “a escolha do vice-almirante Gouveia e Melo não demorou a conquistar o apoio da maioria dos profissionais”.

O antigo coordenador da task forcepara a vacinação contra a Covid-19, o vice-almirante Henrique Gouveia e Melo, foi escolhido como personalidade do ano pela Associação da Imprensa Estrangeira em Portugal (AIEP).

Em comunicado, a AIEP diz que escolheu o vice-almirante “como vencedor da 32ª edição Prémio Personalidade do Ano – Martha de la Cal”. “O galardão tem como objetivo distinguir a pessoa ou a instituição que mais contribuiu para promover a imagem de Portugal no estrangeiro durante o ano”, explica a Associação.

O sucesso da estratégia de vacinação de Portugal foi notícia em todo o mundo. Os nossos correspondentes dedicaram muitas reportagens ao tema, que suscitou enorme interesse no exterior. Por isso, a escolha do vice-almirante Gouveia e Melo não demorou a conquistar o apoio da maioria dos profissionais”, justificou a jornalista Giuliana Miranda, presidente da AIEP.

Por sua vez, o vencedor do prémio reagiu ao prémio agradecendo a quem ajudou no processo. “Agradeço o prémio que representa um esforço nacional onde todos contribuíram”, sublinhou o vice-almirante Gouveia e Melo.

Este não é o primeiro prémio do vice-almirante Gouveia e Melo, nem a primeira vez em que o seu trabalho é reconhecido pela imprensa estrangeira.

Em outubro, foi destacado pelo New York Times. Nessa altura, o jornal norte-americano enalteceu o sucesso da campanha de vacinação portuguesa e a importância da task force militar para lidar com a questão.

De recordar que, de momento, o vice-almirante cessou funções, existindo agora um Núcleo de Coordenação de Apoio ao Ministério da Saúde para a vacinação, que tem ajudado as entidades da saúde na administração de vacinas contra a gripe e contra a Covid-19 nos postos de vacinação espalhados pelo país.

Partilhar:
  •  
  •  
  •  
  •  
Subscreva a nossa Newsletter