Concentração dos trabalhadores da limpeza do Hospital Pedro Hispano

As trabalhadoras da empresa de limpeza industrial Ambiente e Jardim, que prestam serviço no Hospital Pedro Hispano, concentraram-se frente ao Hospital, exigindo o pagamento de salários em atraso desde Julho.
A paralisação alcançou cerca de 100%, e apesar das dificuldades que atravessam, as trabalhadoras manifestaram a vontade de continuar a luta.
O Bloco de Esquerda esteve presente na concentração com uma delegação composta pelos deputados municipais Carla Silva e Ernesto Magalhães, da Assembleia Municipal de Matosinhos, e ativistas do Grupo do Trabalho Laboral do BE do distrito do Porto.
Face à situação dramática destas famílias e de uma certa indefinição e escassa informação sobre o futuro, os deputados municipais do Bloco reuniram com a Administração do Hospital Pedro Hispano, para exigir uma tomada de posição.
Em nota de imprensa, o BE refere que foi «assegurado que, ainda durante este dia, a solução jurídica será desbloqueada, sendo que passará pela cessação do contrato com a Ambiente e Jardim, reintegração de todos os funcionários numa nova empresa e pelo pagamento dos salários em atraso».
Partilhar:
  •  
  •  
  •  
  •  
Subscreva a nossa Newsletter