BE Maia apresentou candidatos à Câmara e Assembleia nesta noite de sábado

Silvestre Pereira, Catarina Martins, Jorge Santos (Foto de arquivo - A. Santos)

Silvestre Pereira, como cabeça de lista à Câmara da Maia, e Jorge Santos à Assembleia Municipal, foram apresentados pelo Bloco de Esquerda, este sábado (dia 10)às 21h30, com a presença de Catarina Martins, coordenadora nacional do BE.

Cumprindo as regras de segurança determinadas pela DGS, o BE Maia realizou a apresentação dos candidatos no Parque Central da Maia, às 21h30 de sábado.

Jorge Santos referiu-se à “continuidade de muitos anos a colocar voz nos problemas da nossa terra”, um trabalho que os bloquistas querem ver reforçado com a eleição de Silvestre Pereira para o executivo camarário, assim como reforçar o número de deputados na Assembleia Municipal e em todas as freguesias do concelho.

Silvestre Pereira focou na sua intervenção, tal como já havia feito na entrevista que concedeu ao Primeira Mão há dias, que é preciso orientar prioridades na Câmara para um trabalho qualitativo nas áreas da Habitação pública, alargamento de transportes públicos a todo o concelho, implementação de redes de infraestruturas públicas para cuidar da infância e da terceira idade.

Além disso, os bloquistas apontam ainda a bandeira do Ambiente, com a necessidade de “resolver problemas muito graves como a poluição da Siderurgia Nacional ou a poluição no rio Leça”, afirmou Jorge Santos.

Catarina Martins recuperou todos estes temas locais, depois de ter apontado alguns tiros ao governo e à incapacidade de ter travado esta quarta vaga da pandemia, dado não ter contratado mais pessoal efetivo para o SNS, em vez recursos humanos contratados “ao mês”, sempre a passar a pasta e a dar formação à equipa seguinte, com custos de eficiência nos contactos telefónicos às redes de contactos de infetados, com o resultado que se viu.

Catarina Martins agradeceu a todos os candidatos, com uma palavra especial a Silvestre Pereira, um homem com “um percurso exemplar: esteve bastante tempo na AM da Maia e conhece como ninguém os problemas do concelho; tem uma experiência associativa extraordinária, de luta, de trabalho, pelo próximo, pelos mais jovens, pela comunidade”. Assim, sublinhou Catarina Martins, “a eleição de Silvestre fará toda a diferença”.

Partilhar:
  •  
  •  
  •  
  •  
Subscreva a nossa Newsletter