A Maia reconhece mérito com medalhas de ouro

Homenageados pelo município da Maia (Foto A.Santos)

A Câmara da Maia entendeu, neste fim de semana das festas do Concelho, atribuir condecorações honoríficas as 12 personalidades e entidades. Foram homenageadas 12 entidades e personalidades, cujo valor é um modelo para a comunidade e o município não quer ver esquecido.

Assim, às 10h30, nos Paços do Concelho, numa cerimónia com muito poucas pessoas e uma duração de cerca de uma hora, o município realizou a imposição das condecorações com medalha e diploma que conferem o reconhecimento pelo Serviço Público (ouro), pelo Mérito (ouro) e pela Honra (ouro).

A medalha de Serviço Público foi atribuída ao Eng.º Francisco Lemos, funcionário da autarquia.

Receberam a medalha de Mérito: Ana Filipa Martins (ginasta), Cláudia Azevedo (empresária), Francisco George (Cruz Vermelha), Miguel Ângelo Rodrigues (Provedor do Munícipe), Fátima Gramaxo (Fundação Gramaxo), Manuela Lage (maiata benemérita), Bruno Fernandes (futebolista), Miguel Araújo (músico), Victor Dias (músico), Cruz Vermelha Portuguesa – Delegação da Maia.

A Medalha de Honra foi para o Centro Hospitalar e Universitário de São João, hospital de referência da Maia.

A cerimónia foi pontuada por quatro atuações do Quarteto Lusitanae Ensemble, que interpretou obras da autoria de Victor Dias, uma delas em estreia absoluta “1519 – Maia Terra Mater Vita Honinum”. De resto, todas as peças apresentadas foram tocadas pela primeira vez em público, tendo duas delas sido compostas propositadamente para esta sessão de homenagens.

Dos distinguidos não puderam estar presentes Fátima Gramaxo e Bruno Fernandes, que receberão posteriormente as suas medalhas.

A sessão terminou com a intervenção do presidente da Câmara, Silva Tiago.

O autarca mostrou-se feliz por haver na Maia, “felizmente, muitas pessoas e instituições, que adquiriram relevância e se destacaram pela atividade que desenvolvem nas áreas em que atuam, tanto profissionalmente como na dádiva voluntária ao serviços dos outros”.

Silva Tiago expressou ainda que este reconhecimento vai mais além da distinção e gratidão. Estas condecorações honoríficas “visam igualmente sublinhar no presente e guardar para a memória futura o nome” destas pessoas e instituições como “exemplo” de modelo para a comunidade.

 

Discurso do Presidente da Câmara da Maia, Silva Tiago:

 

 

Partilhar:
  •  
  •  
  •  
  •  
Subscreva a nossa Newsletter