Agentes da PSP voltam a ter autorização para abastecer viaturas da polícia

Mulher detida em Matosinhos por violência doméstica
foto DR

O secretário de Estado Adjunto e da Administração Interna deu instruções à PSP para que seja “garantida a continuidade do abastecimento” de combustível às viaturas, de forma “a não afetar minimamente” a missão da polícia.

Num despacho enviado na segunda-feira à direção nacional da PSP, Antero Luís deu “instruções para que fosse garantida a continuidade do abastecimento, de forma a não afetar minimamente a atividade e o cumprimento da missão diária da Polícia de Segurança Pública, salvaguardando, como sempre, a segurança das populações”.

O despacho do secretário de Estado surge depois de a PSP ter dado ordens para que as viaturas circulassem o menos possível e para ser restringido o abastecimento de combustível.

Na segunda-feira, o presidente do Sindicato Nacional da Polícia (Sinapol), Armando Ferreira, contou que os vários comandos da PSP foram informados, através de email ou verbalmente, que estão “proibidos os abastecimentos de combustível” das viaturas policiais, devendo os carros permanecer parados em locais de visibilidade e apenas circular quando são chamados para uma ocorrência.

Partilhar:
Subscreva a nossa Newsletter