Portugal com a sétima maior cobertura de internet de alta velocidade na UE em 2021

Empresas das Tecnologias de Informação criam no Porto 2.100 empregos no 1.º semestre
computadores

Portugal era, em 2021, o sétimo Estado-membro da União Europeia (UE) com maior cobertura de internet de alta velocidade, num total de 90,5%, sendo também o quinto com mais conectividade em zonas pouco povoadas, anunciou hoje o Eurostat.

Por país, a cobertura de internet de alta velocidade foi maior, em 2021, em Malta (100%), Luxemburgo (96%), Dinamarca (95%), Espanha (94%), Letónia (90,7%) e Holanda (90,6%), seguindo-se Portugal (com 90,5%) em sétimo lugar.

Já os Estados-membros com menos ligações fixas à internet de alta velocidade foram a Grécia (20%), Chipre (41%) e Itália (44%), de acordo com o Eurostat.

O gabinete estatístico adianta que a conectividade da internet de alta velocidade também melhorou em áreas pouco povoadas na UE, já que, entre 2013 e 2021, a cobertura de residências nas zonas com baixa densidade populacional aumentou de 4% para 37% no espaço comunitário.

Ainda assim, apesar do progresso, os níveis de acesso diferem entre os Estados-membros da UE e também dentro dos países.

Por Estado-membro, Malta teve novamente a maior cobertura de internet de alta velocidade em zonas pouco povoadas em 2021, seguindo-se o Luxemburgo, Dinamarca e Holanda (todos 79%), enquanto as menores percentagens se verificaram na Grécia (0%), República Checa (7%) e Finlândia (12%).

Portugal foi o quinto país da UE com maior conectividade em internet de alta velocidade em zonas de baixa densidade populacional no ano passado, com uma cobertura de 75,9%.

Em 2021, a Comissão Europeia estabeleceu como objetivo para 2030 alcançar uma conectividade de alta velocidade em todos os lares da UE e uma cobertura de 5G para todas as áreas povoadas.

Partilhar:
Subscreva a nossa Newsletter