Mais seis famílias receberam novas casas entregues pela Câmara da Maia

Foto: CMM

Manuel e Maria Cândida viveram 50 anos numa casa alugada, no lugar da Granja, na freguesia de Águas Santas. Mas o desgaste do tempo e a falta de recursos próprios para tratar da manutenção da habitação fez com que deixasse de ter condições dignas de habitabilidade. Mas isso vai mudar porque, a partir de agora, vão viver para o empreendimento do Meilão, em Águas Santas.

A chave da nova casa no empreendimento de habitação social foi entregue pelo presidente da Câmara Municipal da Maia, António Silva Tiago, num momento simbólico em que também esteve presente a administradora da Espaço Municipal, Emília Santos, a este casal e a mais cinco famílias, que vão passar a viver em habitações com mais dignidade.

Foi um misto de emoções que marcou mais uma entrega de chaves a quem mais precisa. Uns, os mais novos, mostravam claros sinais de alegria e reconhecimento pelo apoio da edilidade maiata. Já Manuel, apesar de querer a nova casa, não escondeu as lágrimas por ter de abandonar a casa onde sempre viveu e constituiu a sua família.

São famílias que a partir de agora vão habitar no empreendimento Jardins de Sobreiro, na freguesia da cidade da Maia, nos empreendimentos 5 de Outubro e Paiol, na freguesia de Milheirós e nos empreendimentos Maria Casal e Meilão, na freguesia de Águas Santas.

As pessoas e famílias que receberam agora a chave da nova casa viviam sem condições de habitabilidade. “São pessoas que vivem sem condições, sem conforto e que nós, com esforço e com muita vontade de ajudar, tratamos do realojamento”, defende o presidente da Câmara Municipal da Maia.

Para António Silva Tiago é sempre uma experiência que muito valoriza porque tem perfeita noção de que a autarquia tem ajudado imensas famílias que merecem ser ajudadas.

Região norte e Madeira com as maiores quebras de natalidade em 2021

Partilhar:
Subscreva a nossa Newsletter