Maia organiza Jogos do Eixo Atlântico no verão de 2022

A Maia vai ser a sede da 14ª edição dos Jogos do Eixo Atlântico, que se realizarão de 3 a 8 de julho, a coincidir com as Festas do Concelho da Maia. A entrega da bandeira à cidade organizadora decorreu na sexta-feira, dia 3.
Os Jogos do Eixo Atlântico destinam-se à promoção do desporto, à convivência entre os jovens e, também ao melhor conhecimento entre os cidadãos da Euro-região Galiza Norte de Portugal. Realizam-se de dois em dois anos e constituem um evento desportivo transfronteiriço único na Europa, com uma participação de entre 1500 a 2000 atletas dos municípios e entidades membros do Eixo.
Na cerimónia do entregar da bandeira, António Silva Tiago afirmou que o município da Maia está pronto para abraçar este desafio, salientando que “através deste acontecimento desportivo, a Maia acolherá os seus pares em festa, celebrando a amizade e a cooperação, num clima de partilha colaborativa que carateriza o ADN das nossas gentes e das instituições que no território servem a comunidade”.
Ricardo Rio, presidente da Associação do Eixo Atlântico do Noroeste Peninsular e edil de Braga, sublinhou que “estes jogos serão ainda mais apetecíveis”, uma vez que “será uma oportunidade de reencontro”.
Durante uma semana os jovens atletas competem nas várias modalidades desportivas: Andebol, Basquetebol, Futebol 7, Voleibol, Atletismo, Natação e uma modalidade escolhida pela cidade que acolhe os Jogos. A Maia escolheu para a XIV edição dos Jogos do Eixo Atlântico o Andebol Feminino.
A idade máxima dos atletas participantes nos Jogos do Eixo Atlântico é de 16 anos, à exceção das modalidades de Atletismo adaptado e Natação adaptada, em que as idades podem ser superiores.
Além das medalhas e troféus para todas as modalidades, os Jogos visam premiar a cada edição o ‘fair play’ de todos os seus participantes, um galardão especial denominado Troféu Jogo Limpo Nelson Cardoso.

 

Partilhar:
  •  
  •  
  •  
  •  
Subscreva a nossa Newsletter