Jovens que roubavam nas estações de Vila do Conde e Maia ficaram em liberdade

Jovens que roubavam nas estações de Vila do Conde e Maia ficaram em liberdade
Imagem DR

Ficaram em liberdade os dois jovens que faziam roubos nas estações de metro na Maia e Vila do Conde.

O Comando Territorial da GNR do Porto, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Matosinhos, deteve, há dois dias, os dois rapazes de 17 anos, acusados de roubos, com recurso a violência física através de arma branca e ameaças, em estações de metro.

Os suspeitos foram localizados e identificados em Matosinhos e, no seguimento da ação policial, foram realizadas duas buscas domiciliárias, tendo sido recuperados diversos objetos pessoais e vestuário das vítimas, assim como vários elementos de prova relacionados com o envolvimento dos suspeitos nos roubos levados a cabo nos últimos meses, segundo revelou a GNR em nota de imprensa.

Os detidos têm antecedentes criminais por ilícitos da mesma natureza, no entanto, depois de terem sido presentes ao Tribunal Judicial de Matosinhos, foi-lhes aplicada a medida de coação de apresentações diárias no posto policial da área de residência, proibição de contactos entre si e com as vítimas, e proibição de acesso às estações do Metro do Porto em toda a rede.

Partilhar:
  •  
  •  
  •  
  •  
Subscreva a nossa Newsletter