GNR assinala Dia Mundial de Combate ao Bullying

Dia Mundial de Combate ao Bullying
bullyng

A GNR associou-se ao Dia Mundial de Combate ao Bullying, no âmbito da prevenção e do combate à violência, ofensas, ameaças e qualquer tipo de intimidação em contexto escolar.

A Guarda Nacional Republicana pretende alertar e sensibilizar a população em geral e, em particular, as crianças e jovens, para a relevância do tema no sentido da mudança de comportamentos da sociedade.

A GNR refere que a violência acontece fora da visão dos adultos e grande parte das vítimas não reage ou denuncia a agressão sofrida, pelo que esta sensibilização é extensível aos pais, professores e funcionários pelos sinais de alerta que devem procurar denunciar e saber reconhecer, nas escolas e em ambiente familiar.

O bullying é um conjunto de atos que servem para descrever atos de violência física ou psicológica, intencionais e reiterados, praticados por uma ou mais pessoas no contexto de uma relação desigual de poder, causando dor e angústia na(s) vítima(s). Atualmente, e associado ao recurso às novas tecnologias, nomeadamente as redes sociais, o bullying tem assumido novos contornos, dando origem à vertente virtual do ciberbullying.

Os Postos Territoriais da GNR dispõem de uma sala de apoio à vítima, destinadas a receber este tipo de situações que contam ainda com militares com formação especializada (Apoio a Vítimas Específicas e militares da estrutura de Prevenção Criminal e Policiamento Comunitário), que desempenham um papel essencial no acompanhamento personalizado às vítimas de bullying que encaminham as vítimas para outras instituições com competência neste âmbito.

Partilhar:
  •  
  •  
  •  
  •  
Subscreva a nossa Newsletter