Silva Tiago apresenta Estratégia de Habitação do município da Maia

Bairro Sobreiro (Foto Arquivo PM)

O presidente da Câmara Municipal da Maia apresenta amanhã, dia 24, no âmbito da Semana da Reabilitação Urbana do Porto, o exemplo do município da Maia no que diz respeito às novas políticas de habitação. Silva Tiago será orador na conferência “Novas Políticas Locais de Habitação”.

A abertura da conferência, que decorrerá na Alfêndega do Porto, será feita por Álvaro Santos, CEO e fundador da Agenda Urbana, entidade que organiza com a Vida Imobiliária esta sessão, onde participarão ainda José Pinheiro, presidente da Câmara Municipal de Vale de Cambra; Jorge Vultos Sequeira, presidente da Câmara Municipal de São João da Madeira; Miguel Reis, presidente da Câmara Municipal de Espinho; e Emídio Sousa, presidente da Câmara Municipal de Santa Maria da Feira. A moderação será de Paulo Valença da Agenda Urbana.

Silva Tiago irá centrar a sua intervenção sobre a estratégia inovadora do município na promoção da acessibilidade à habitação, dando a conhecer as opções, programas e instrumentos que Maia vai adotar para concretizar o potencial da Nova Geração de Políticas de Habitação.

Recorde-se que, no âmbito desta política habitacional, a Câmara Municipal da Maia irá investir 62.772.440,25€, o que permitirá encontrar 757 soluções habitacionais para as famílias do município.

 

 

 

“A Câmara Municipal da Maia e o seu presidente têm demonstrado uma sensibilidade muito especial pelo setor da habitação que afeta de forma clara a qualidade de vida das famílias da Maia. Essa preocupação está amplamente demonstrada na forma exemplar como o município tem captado os recursos financeiros disponíveis com a Nova Geração de Políticas de Habitação. O trabalho que está a ser desenvolvido por este município merece ser acompanhado de forma atenta não só pelo volume do investimento mas sobretudo pela eficácia a que se propõe com as suas políticas” – refere Álvaro Santos, CEO da Agenda Urbana, empresa de consultoria na área do planeamento estratégico, desenvolvimento regional e urbano, reabilitação urbana, eficiência energética, inovação, administração pública e apoio à gestão de entidades públicas e privadas.

Partilhar:
  •  
  •  
  •  
  •  
Subscreva a nossa Newsletter