Prisão preventiva para homem que furtava em interior de veículos na Maia

Foto: GNR

O Comando Territorial da GNR do Porto, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Matosinhos, deteve um homem de 35 anos, no dia 16, por furtos qualificados, no concelho da Maia. Foi preso em flagrante. O Tribunal de Matosinhos ordenou que ficasse em prisão preventiva.

 

No âmbito de uma investigação por furtos em interior de veículos, nos concelhos da Maia e de Valongo, que teve a duração de um mês, os militares da Guarda chegaram à identificação, localização e detenção do suspeito em flagrante.

O método utilizado era quase sempre a quebra de vidros de veículos ligeiros de mercadorias parqueados em diversos locais dos concelhos da Maia e de Valongo, para em seguida furtar do interior vários materiais relacionados com a construção civil.

A agravar a situação deste homem, a GNR constatou que “o veículo onde o detido se deslocava tinha sido furtado no dia 4 de fevereiro, no concelho da Maia, culminando na sua apreensão”.

Na busca realizada ao veículo a GNR recuperou o seguinte material: Duas caixas de ferramentas profissionais; Uma máquina multifunções de uso profissional; Um arnês; Um telemóvel.

A viatura e o material apreendido foram restituídos aos seus legítimos proprietários.

O detido, com antecedentes criminais por ilícitos da mesma natureza, foi presente ao Tribunal de Instrução Criminal (TIC) de Matosinhos ontem, dia 17, onde lhe foi aplicada a medida de coação de prisão preventiva.

Partilhar:
  •  
  •  
  •  
  •  
Subscreva a nossa Newsletter