Portuguesa cria camisola para ajudar nos problemas de menopausa e até de cancro

Foto canva

Uma portuguesa criou uma camisola que ajuda a ultrapassar problemas ligados à menopausa e poderá ser utilizada para doenças como o cancro. A camisola está registada no Infarmed como produto de saúde.

Decote redondo, com mangas curtas ou cavas, brancas, pretas ou beges: a t-shirt criada pela engenheira portuguesa Filipa Fernandes, de 36 anos, apresenta-se com um detalhe técnico que promete aliviar os afrontamentos sentidos durante o período da menopausa, recorrendo a uma tecnologia que regula a temperatura corporal.

A engenheira de materiais licenciada na Universidade do Minho revelou que está a ser estudado o alargamento do uso da camisola a outras patologias em que as variações de temperatura corporais sejam um elemento predominante.

“Estamos a testar a aplicação a tratamentos oncológicos com rádio e hormonoterapia, adenocarcinoma do pulmão, hemoptise, a doentes sujeitos a tratamentos à tiroide, diabetes e apneia do sono”, enumera a engenheira, citada pelo JN, que explica que a peça está registada na Autoridade Nacional do Medicamento e Produtos de Saúde, o Infarmed, como “device” (ou “aparelho”) médico.

Partilhar:
  •  
  •  
  •  
  •  
Subscreva a nossa Newsletter