PJ deteve homem suspeito de coação sexual na Maia

A Polícia Judiciária (PJ) deteve um homem de 48 anos suspeito de um crime de coação sexual sobre uma mulher, em maio, na Maia, depois de ter entrado na viatura da vítima “furtivamente”, foi anunciado na última sexta, dia 16.

Em comunicado, a PJ refere que o detido, que se encontra com pulseira eletrónica no âmbito de um inquérito por violência doméstica, aproveitou o facto de a mulher estar a carregar o seu carro para “furtivamente” entrar no seu interior.

Depois de a mulher, de 59 anos, ter iniciado a marcha em direção a casa, o suspeito “surpreendeu-a, o que provocou o despiste e abandono da viatura”, e depois a “tentativa de fuga da vítima” a pé pela faixa de rodagem.

“Com a vítima indefesa, prostrada no chão, o arguido procurou praticar atos sexuais de relevo, porém, face à aproximação de viaturas ao local, acabou por fugir”, acrescenta a PJ.

Os factos remontam à madrugada do dia 9 de maio.

O homem já tinha antecedentes criminais por violação, pelos quais cumpriu pena efetiva de prisão.

Partilhar:
  •  
  •  
  •  
  •  
Subscreva a nossa Newsletter