Identificados por extorsão e contrafação em Vila do Conde e Póvoa de Varzim

Identificados por extorsão e contrafação em Vila do Conde e Póvoa de Varzim
foto de arquivo

Dois homens, de 37 e 43 anos, foram identificados por extorsão e contrafação, nos concelhos de Póvoa de Varzim e Vila do Conde.

Em comunicado, o Comando Territorial de Braga da GNR explica que a detenção foi feita pelo Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Barcelos, no âmbito de uma investigação que decorria há três meses.


Na altura, “um dos suspeitos foi detido em flagrante quando tentava vender um telemóvel contrafeito e coagir a vitima a pagar um valor monetário como se de um original se tratasse”, explica a PSP.

Em abril, um feirante de 37 anos foi detido, em Argivai, na Póvoa de Varzim, quando tentava vender telemóveis falsos a um polícia.

 

Agora, os militares da GNR realizaram três buscas domiciliárias, duas em veículos e uma em estabelecimento comercial, tendo apreendido três telemóveis que se presumem ser contrafeitos.

A ação decorreu em colaboração com a Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE).

Partilhar:
  •  
  •  
  •  
  •  
Subscreva a nossa Newsletter