Exportação de vinhos portugueses sobe 13% até agosto para 581 ME – ViniPortugal

vinho_Foto de viniportugal.pt

As exportações de vinhos portugueses, entre janeiro e agosto, subiram 13%, acima do esperado, para 581 milhões de euros, com destaque para os certificados, anunciou a ViniPortugal.

“As exportações totais foram de 581 milhões de euros [até agosto], mais 13% do que no ano passado”, adiantou o presidente da ViniPortugal, Frederico Falcão, em declarações à Lusa, a propósito dos 25 anos da associação.

Por categoria, destacam-se os vinhos certificados com uma quota de 46%, seguidos pelo vinho do Porto (34%) e pelos não certificados (17,4%).

A restante percentagem divide-se entre, por exemplo, licorosos, espumantes e mostos.

O crescimento verificado nos primeiros oito meses do ano está assim acima dos 6% esperados pelo setor.

“Nos últimos 10 anos, temos um crescimento de 3,3% ao ano em valor nas exportações e, no ano passado, crescemos 4,5% e este ano até agosto estamos a crescer 13%”, acrescentou.

Para até ao final do ano, a associação perspetiva que as exportações continuem a subir na ordem dos 10%.

Este ano, a ViniPortugal concentrou as ações presenciais de promoção, sobretudo, em setembro e no corrente mês, em virtude da pandemia de covid-19.
Entre os países onde os vinhos portugueses foram ou estão a ser promovidos estão Brasil, México, Suíça, Dinamarca, Noruega e Rússia.

Segundo o presidente da ViniPortugal, houve mercados onde ainda não foi possível entrar, devido às restrições, como Estados unidos, Canadá, China e Coreia do Sul.

Partilhar:
  •  
  •  
  •  
  •  
Subscreva a nossa Newsletter